Singeperon requer recomposição salarial à servidores da Sejus e Fease

Além de não terem um PCCR digno, há mais de cinco anos os servidores estão sem reajustes salariais.

0
1783

O Sindicato dos Agentes Penitenciários, Agentes de Segurança Socioeducativos, Técnicos Penitenciários e Agentes Administrativos Penitenciários do Estado de Rondônia—Singeperon, solicitou para o Governador de Rondônia, Daniel Pereira, para que seja assegurada a recomposição salarial para os servidores da Secretaria de Estado da Justiça (Sejus) e da Fundação Estadual de Atendimento Socioeducativos (Fease).

A assessoria jurídica do Singeperon requereu com fundamentos no Art. 37 da Constituição Federal, mediante aprovação de lei, conforme já foi concedido para os servidores estaduais do poder judiciário nos termos da lei 4.292 de 25 de maio de 2018.

A presidente do Singeperon, Daihane Gomes destaca que, os Agentes Penitenciários e Agentes de Segurança Socioeducativos de Rondônia, além de não terem um PCCR digno, há mais de cinco anos os servidores estão sem reajustes salariais. Os Agentes Penitenciários e Agentes de Segurança Socioeducativos desempenham um árduo trabalho, eles que levam o Sistema Penitenciário e Socioeducativo nas “costas.” Disse a presidente.