Sindasp apresenta processo de automatização das unidades prisionais de SP para agentes penitenciários de Rondônia

A presidente foi recebida na sede estadual do Sindasp-SP pelo presidente Valdir Branquinho e por diversos diretores do Sindasp-SP.

0
219

O Sindasp-SP recebeu nesta quinta (5) e sexta-feira (6) a visita da presidente do Sindicato dos Agentes Penitenciários, Agentes de Segurança Socioeducativos, Técnicos Penitenciários e Agentes Administrativos Penitenciários do Estado de Rondônia (Singeperon), Daiane Gomes.

A presidente foi recebida na sede estadual do Sindasp-SP pelo presidente Valdir Branquinho e por diversos diretores do Sindasp-SP. De acordo com a presidente do Singeperon, o objetivo da visita é conhecer o sistema de automatização das unidades de São Paulo e elaborar um projeto para propor ao governo do Estado de Rondônia.

A visita foi autorizada pelo secretário de Estado da Administração Penitenciária, Lourival Gomes, e também pelo secretário do Estado de Rondônia, Adriano de Castro.

Na tarde de quinta-feira (5), Daiane conheceu a estrutura e automatização da penitenciária de Presidente Prudente e na manhã de sexta-feira (6) a penitenciária I de Presidente Venceslau.

A automatização das unidades no Estado de São Paulo, foi uma conquista do Sindasp-SP para a categoria dos agentes de segurança penitenciária (ASP). A automatização foi aprovada pelo secretário Lourival Gomes em 7/12/2012, durante visita à sede estadual do sindicato em Presidente Prudente.

O objetivo do Sindasp-SP ao propor a automatização para a SAP foi evitar o contato físico entre detentos e agentes penitenciários, evitando assim situações que resultam em agressões aos servidores. A proposta apresentada pelo Sindasp-SP levou em conta os diversos casos de agressões contra agentes penitenciários ocorridas nos últimos anos.

O processo de automatização teve início na Penitenciária “ASP Adriano Aparecido de Pieri” de Dracena, onde o projeto foi testado e aprovado, fazendo da unidade a primeira 100% automatizada no Estado.

Fonte: Sindasp