NOTA INFORMATIVA

0
702

O SINGEPERON informa aos seus filiados agentes penitenciários que, em que pese constar nos autos da ação de dissidio coletivo de greve, processo n. 0801150-04.2017.8.22.0000 despacho datado de 18/01/2019 deferindo a liminar requerida pelo Estado e arbitrando multa por descumprimento, o sindicato recorreu da decisão por entender que o Estado que deu causa a greve com o veto do orçamento e não envio do Projeto de Lei para a ALE e que o recurso seja provido por uma questão de justiça. Assim, por mais que a SEJUS publique despacho intimidando o agente penitenciário, como o fez na data de hoje, nada poderá fazer enquanto a multa for discutida.

Assim sendo, o sindicato pede a todos que, sempre que houver excesso por parte da SEJUS, que acionem o sindicato para se fazer presente e adotar as medidas que o caso requer.

Veja abaixo o despacho emitido pela SEJUS nesta terça-feira (23).