Coordenador Geral Célio Luiz proíbe entrada da assessoria jurídica do Singeperon no 470

0
1023

Duas Advogadas da Assessoria Jurídica do Singeperon compareceu nesta segunda-feira (12) no presídio Milton Soares de Carvalho (470) para atendimento aos agentes penitenciários de plantão, porém, tiveram a entrada proibida pelo Coordenador Geral do Sistema Penitenciário, Célio Luiz de Lima.

O Coordenador alegou que os motivos da proibição era por que elas eram representantes do Sindicato da categoria (Singeperon).

A Assessoria Jurídica registrou o ocorrido no livro de ocorrência da unidade, salientou que a visita na unidade se faz necessário, justamente pelo fato da coordenadoria proibir a entrada dos dirigentes sindicais e os agentes penitenciários se encontrarem em seu ambiente de trabalho coagidos pelos seus superiores hierárquicos à trabalharem de forma diversa da legislação em vigor.

Desta forma, sendo necessária a intervenção judicial, e, por consequência a ativação do corpo jurídico do Sindicato.

A Assessoria Jurídica do Singeperon irá protocolar denúncia na OAB/RO relatando o ocorrido, para que seja tomada as devidas providências.